sexta-feira, 3 de julho de 2015

Resenha – O Livro Completo de Wicca e Bruxaria

Este é um livro publicado pela Madras Editora em 2003, e reeditado em 2015 de Marian Singer. Um fato interessante que o livro trás na orelha é que a autora tem origens brasileiras, por parte de mãe, mas diz que foi nos EUA que passou a ter contato com a magia pela convivência com sua avó, também bruxa. O título da obra é “O Livro Completo de Wicca e Bruxaria – Desvendando os Segredos dos Antigos Rituais, Feitiços, Bênçãos e Objetos Sagrados”. Quando eu, ainda adolescente, me deparei com a capa desse livro, imaginei ser o melhor entre todos os outros que eu conhecia. Porém, como morava no interior e não tinha acesso fácil a livros do tema, demorei em comprá-lo e depois, quando tive condições, já estava esgotado. Felizmente (ou não), consegui encontrá-lo num sebo há pouco tempo e fiquei numa expectativa enorme para lê-lo.

A autora tenta deixar a leitura dinâmica com inserções de boxes a cada tópico do livro, com Fatos, Essência, Questões e Alertas, que, em minha opinião, chega a ser um tanto irritante. Ela coloca no início questões de filosofia e ideologia da Wicca, mostrando a verdadeira imagem das bruxas, quebrando mitos do pensamento comum, fala sobre o renascimento moderno da bruxaria e vida após a morte.

Nos capítulos seguintes a parte prática já tem maior relevância, com outras inserções de orações e amuletos. Marian Singer usa bastante a palavra feitiçaria para remeter aos trabalhos ritualísticos. Logo ela mistura sonhos, símbolos e feitiços e só depois fala sobre as estruturas e significados dos rituais. Em seguida, aborda magia com velas, métodos oraculares, magia natural, magia na cozinha, astrologia e numerologia, divindades, lugares sagrados e por fim, ofícios de um coven.

Me pareceu um livro meio desorganizado, sem uma sequência definida de informações, bastante básico, como se Marian tivesse escrito um capítulo a cada semana, sem se lembrar do que escreveu por último. De toda forma, as informações e receitas colocadas por ela são interessantes, devido a experiência e referências históricas, mas nada além que um livro de Wicca não fale. Nas últimas páginas há um glossário e pequenas biografias de figuras históricas bem legais. Confesso que vendo a bibliografia consultada por ela dá para sentir o porquê do livro ser bastante comum. Não é uma obra que eu indicaria, mas que vale por reciclar alguns conhecimentos.

Pedro Guardião

3 comentários:

Anônimo disse...

vc pode me indicar uns livros de bruxaria bons?

Pedro Guardião disse...

Olá! No canto esquerdo do blog há uma lista de livros de Wicca e Bruxaria que indico. Todos os que eu tenho resenhado aqui e com boas avaliações, também! Aproveite para adquirir o livro 'Wicca para Todos' do Claudiney Prieto, 'Wicca - Crenças e Práticas' de Gary Cantrell ou 'Mistérios Wiccanos' de Raven Grimassi. São excelentes obras!

Anônimo disse...

Oh! Benditos! Sempre! Deuses(as), Divindades, Deidades, Devas das: Bruxarias e da Wicca! Sempre! Ave (Viva, Saudações, Reverências, Cumprimentos, Louvores, Glorificações)! Sempre! Louvações (Venerações, Congratulações, Parabenizações, Contemplações, Adorações, Admirações)! Sempre! Agradecimentos (Agradecidíssimo, Agradecido), Gratidões (Grato)! Sempre! Por tudo de: bom (bem), a mim! Sempre! Assim Se Faça! Assim Seja! Amém!

Vídeos Wicca & Bruxaria

Loading...