domingo, 29 de junho de 2008

Conhecendo Oráculos (Tarô) – Por Pedro Guardião

O Tarot ou Tarô, é um método divinatório muito usado entre Magos, Bruxas, Ciganas entre outros... Como é um assunto muitooo complexo, vamos aprender o básico sobre este oráculo; básico mesmo.
Hoje em dia, o Tarô já se tornou popular, e você encontra uma banca de leitura no meio da praça se quiser. Por isso tome cuidado onde você procura orientação, e tome recomendações. Mas para você, que não confia muito, aprenda a ler sozinho!
Agora você pergunta, qual tarô usar? Você escolhe por intuição. Mas prefira usar os mais comuns e mais fáceis, como o De Marselha e Cigano.
Depois de ter comprado seu deck, faça um ritual de ligamento, para ele funcionar melhor para você ou para outras pessoas. O ritual ajuda na ligação do astral e o mundo físico, como um encantamento. Além de métodos divinatórios, o tarô pode ser usado em feitiços e rituais como potencializador, pois nele, cada lâmina com seu significado, traz um enorme poder mágico.
E quanto a interpretação? A leitura das cartas, não é muito fácil, pois exige muita paciência, concentração e centro de energias vindo de você, e de quem está consultando.
Vamos seguir um tarô mais tradicional, para a explicação – Tarô de Marselha.
Cada lâmina (carta), tem uma interpretação, de acordo com a figura representada e sua posição. As viradas para cima, têm um significado positivo, e as viradas para baixo, negativo. O Tarô é um ótimo método para você se autoconhecer. Uma boa tiragem das cartas para você mesmo, pode te aliviar de enrascadas e te ajudar em muitos aspectos.
Existem vários tipos de tiragem. Uns mais simples e outros mais complexos. Vão de 3 cartas até 10 ou mais.

Método fácil de tiragem de cartas: (com 3 lâminas).

Embaralhe seu tarô, e em seguir corte-o uma vez. Se tiver tirando para outra pessoa, você deve cortar uma vez, e a pessoa outra. Abra o baralho como um leque, e enquanto escolhe 3 cartas, focalize em sua pergunta, que deve ser objetiva. Então, separe-as e deixe viradas para baixo. Focalize em sua pergunta novamente, e tire a primeira carta, que significará os “Prós”, isto é, o que seja favorável. Agora, você irá virar a terceira carta, que significará os “Contras”, isto é, o que é desfavorável. Por último a segunda, que está no meio, que irá a “Síntese” da consulta, que lhe mostrará quais fatores levaram a solução final.

Sempre que precisar, consulte este método simples e prático. Mas lembra-se que ele ajuda-nos a ver o que está por vir, mas as escolhas são sempre nossas!

sábado, 28 de junho de 2008

A Energia de um Local – Por Pedro Guardião

Magos e Bruxas, sempre têm a capacidade de sentir a energia de um local, seja ele uma casa, um bosque, um quintal, uma empresa e etc...
As forças que se impregnam nos locais, vão de acordo como eles estão. Uma casa suja, com insetos, plantas secas, sem nenhum cuidado, certamente terá uma egrégora muito pesada e sombria. Já uma casa com luz, plantas vivas, flores e limpa, certamente terão uma leve egrégora, boa de trabalhar.
Sempre que você sentir que num local, tem más vibrações, presença de insetos (nojentos), e sem luz, procure mudar isso. Abra as janelas, e mão na massa! Limpe, deixe entrar luz e ar de janelas e portas, espante os insetos e deixo com um ar bem melhor.
Depois desta etapa (física), você passará a trabalhar no astral. Deixe ainda as portas e janelas abertas, e passe uma defumação de 7 varetas de incenso por todo espaço físico deste local. Ele ficará leve, e com outra cara, pode apostar.
Se preocupe de deixar a casa sempre limpa e bonita, com arranjos de flores, velas e enfeites. Confirme com o pêndulo quando você não tem uma certeza exata das energias de um local.
Isso é muito importante quando se trata de magia! Você não pode fazer um ritual, sem ao menos consultar o local que vai trabalhar, por isso, se algo não anda bem, mão na massa e alegre seu espaço.

Fórmula para neutralizar energias negativas de um local

Você vai precisar de:

* Um pote de vidro ou cristal
* Sal grosso (quantidade que encha o pote)
* Anilina azul comestível

Coloque o Sal grosso numa bacia qualquer e pingue sobre ele algumas gotas de anilina azul. Agora mexa e agite a bacia de acordo que todo o sal fique colorido pela anilina. Em seguida, transfira o Sal colorido para o pote de vidro ou cristal. Agora faça uma imposição de mãos, e faça uma oração que afasta o mal (pode ser o Pai Nosso). Use-o como se fosse um objeto de decoração, e quando o sal derreter ou parecer diferente, jogue-o em água corrente e prepare outro para substituir. Faça esta simpatia de três em três meses.

A Magia das Velas - Por Mago Elemental

Utilizamos as velas apenas para simbolizar nossa magia através de suas chamas. O fogo é o símbolo do plano mental e da atividade. O ato de acender a vela para o Anjo da guarda é a forma de ativar seu pedido e levá-lo para o plano etéreo. Nos textos bíblicos, Deus se manifestou a Moisés em forma de fogo.
Daí a razão de usarmos as velas na magia.Esta prática tem como objetivo ativar, manter vivo, simbolizar o elo de ligação de nossos pensamentos e desejos com o mundo angelical através da manifestação do nosso Eu Superior. Na chama de uma vela, todas as forças da natureza são ativadas. A vela acesa simboliza a individualizaçao da vida ascendente e da luz da alma.
Porque usar velas coloridas na ancoragem do Anjo da guarda? Por que nossa aura é colorida e quando visualizamos uma determinada cor, nosso cérebro atua para que a aura a reflita. É através desse processo alquímico que o anjo irá captar e entender nossos pedidos. Veja na página Ancoragem e Precipitação o simbolismo de cada cor. Este é o primeiro elo de ligação com os anjos. Ao acender uma vela, é possível identificar algumas mensagens que elas podem nos passar, como por exemplo:


VELA QUE NÃO ACENDE PRONTAMENTEO
Anjo pode estar tendo dificuldades para ancorar. O astral ao seu redor pode estar poluído.

VELA QUEIMANDO COM LUZ AZULADA
Indica a presença de Anjos e Fadas. É um bom sinal.

CHAMA VACILANTEO
Anjo demonstra que, devido às circunstâncias, seu pedido terá algumas mudanças.

CHAMA QUE LEVANTA E ABAIXA
Você está pensando em várias coisas ao mesmo tempo. Sua mente pode estar um pouco tumultuada.

CHAMA QUE SOLTA FAGULHAS NO AR
O Anjo colocará alguém no seu caminho para comunicar o que você deseja. Poderá ter algum tipo de desapontamento antes do pedido ser realizado.

CHAMA QUE PARECE UMA ESPIRAL
Seus pedidos serão alcançados, o Anjo já está levando sua mensagem.

PAVIO QUE SE DIVIDE EM DOIS
O pedido foi feito de forma dúbia.

PONTA DO PAVIO BRILHANTE
Você terá muita sorte e sucesso em seu pedido.

VELA QUE CHORA MUITO
O Anjo sente dificuldades em realizar seu pedido.

quarta-feira, 25 de junho de 2008

Subindo um Degrau - Por Pedro Guardião

Como você já deve saber, fazer magias e rituais são experiências que um mago e bruxa devem vivenciar ao longo de tempos de estudos.
Mas nem sempre, você está exatamente preparado! Tempos de estudos, ler um livro faz parte, mas a pratica, é totalmente inovador. Você estará colocando em pratica o que você aprendeu ou não.
Se ligue nessas dicas, para
não ter erro:

01. Escolha um bom momento para fazer seu ritual. Consulte sua tabela planetária, ou a dos anjos, e escolha uma boa hora de acordo com sua intenção.

02. Escolha também uma boa Lua. Se você quer um ritual de Limpeza, utilize as propriedades da Minguante; Se você quer Proteção e Prosperidade, utilize a Crescente; A Lua Cheia pode ser utilizado para qualquer tipo de magia, pois ela potencializa seu desejo. A Lua Nova (ou Lua Negra) é usada para começos ou recomeços de projetos e negócios.

03. Separe os instrumentos mágicos que vai utilizar, ou coloque-os em conjunto no seu altar de intenção.

04. Seja sábio, e escolha as Entidades que vai trabalhar. Pode ser as que você mais gosta, ou que já trabalha faz algum tempo e tenha experiência. Quanto mais ganha confiança desses seres mágicos, mais eles te ajudarão ao longo de seus rituais.

05. As invocações são com você. Utilize as que você já saiba, de preferência as de décor. Procure conhecer as origens e orações de poder, para ajudar em sua magia.

06. Por último, não menos importante, reconheça sua intuição. Se você está com a intuição que não deve fazer aquele ritual, não faça. Obedeça isso que pulsa em você! Se você ainda não sente muito essas sensações, procure trabalhar mais sua vidência, através de simples exercícios.

Confira um ritual, para se distrair e que pode ser de grande ajuda, quando sua intuição está fraquinha:


Ritual para Despertar a Vidência

Materiais:

1 Vela violeta de 7 dias
1 Taça ou bacia de prata ou prateada
1 Incenso de Lótus.

Relaxe profundamente e deixe sua mente vazia. Encha a taça ou bacia de água de chuva ou mineral. Acenda o incenso e a vela e coloque a taça na sua frente onde seus olhos possam ver dentro. Concentre-se, faça uma oração e, com seu dedo direito, comece a brincar com a água desenhando o que quiser.
Deixe sua imaginação fluir e olhe sempre dentro da taça. Aos poucos, você vai começar a ver imagens dentro da água e desenvolverá uma clarividência tão grande que poderá recorrer a este método quando precisar de alguma resposta imediata, ou ver o que está acontecendo em um determinado lugar. Esse exercício era antigamente utilizado por anos entre sacerdotes e sacerdotisas que o utilizavam muito bem, até mesmo para comunicação com alguém que estava muito longe, ou alertar sobre qualquer invasão inimiga.
Por isso, é necessária muita dedicação. Como todo ritual de despertar ou aumentar a vidência, deve ser feito todos os dias, por alguns minutos, preferencialmente na mesma hora.

quarta-feira, 11 de junho de 2008

A importância do Athame e Varinha - Por Pedro Guardião.

Bom, como já sabemos o athame e a varinha mágica, são instrumentos de praxe para magos e bruxas que se prezam. São usados para traçar o circulo mágico, direcionar energias, purificar, harmonizar, proteger, atacar e etc.
O athame
, é uma faca de cabo preto (ou escuro) com lâmina dupla, que pode ser enfeitado com pedras e cristais em sua bainha, e até mesmo com escrituras mágicas para consagrá-lo.
a varinha, pode ser um simples pedaço de madeira oferecido pela natureza, ou até mesmo enfeitado, cravejado com um cristal na ponta e enfeites harmoniosos.

Como usá-los:
Um exemplo disso, é a energização de amuletos, alimentos entre outras coisas. Muito usado também, é a limpeza interior de uma pessoa. Aqui você vai aprender a manusear seu instrumento com facilidade!

Para energização utilizando a varinha: Pegue seu instrumento, posicione-se diante ao que quer energizar. Sinta sua energia correndo em você, passando para a ponta da varinha, fechando os olhos e girando ela no sentido horário, criando um círculo de luz.
Continue girando, dizendo encantamentos e palavras mágicas, sem encostar no objeto e quando finalizar, imagine o circulo de luz entrando no objeto enchendo-o de poder. Logo depois diga: “Está encantado, foi iluminado; está selado, foi confirmado!”.

Para limpeza interior (sua ou de alguém) utilizando o athame: Para começar, afaste as pernas e estenda a palma das mãos. Pegue o athame, passe sem encostar pela pessoa começando de baixo para cima, com movimentos como se estivesse retirando o negativo, dizendo palavras de banimento e ordem de saída em nome da Divindade. Depois de ter feito isso ao todo, fixe a lâmina do athame na terra, para que ela recicle toda energia negativa e transforme em algo útil.

sábado, 7 de junho de 2008

Entrevista com Bruno Matsushita - Por Pedro Guardião.

Aqui se inicia uma entrevista com o Bruxo e novo Escritor, Bruno Matsushita. Ele contará um pouco de sua historia e responderá todas as perguntas. Confiram as novidades e sobre os futuros trabalhos deste Bruxo!


Pedro Guardião - Olá Bruno! Como foi seu primeiro contato com a Filosofia Wicca?

Bruno M. - Olá! Boa tarde a todos! Bom, meu primeiro contato com a Wicca se deu através de livros, eu já estudava Magia natural há um bom tempo, mas meus estudos ganharam profundidade e embasamento teórico com a Wicca. Foi há cerca de 5 anos atrás e estudo e pratico até hoje a religião.

Pedro Guardião - Muito bem. E o que a Magia te trouxe no aspecto positivo na sua vida?

Bruno M. - Eu costumo dizer em meus workshops que não tem como não se tornar uma pessoa mais positiva, amorosa e próspera quando trabalhamos com a Magia, porque a Magia vai além de alguns gestos e palavras bem articuladas, é uma filosofia de vida com uma ética bem estruturada. É impossível trabalhar com uma forma de Magia séria e não se tornar uma pessoa melhor.

Pedro Guardião - E quais os rituais e/ou feitiços mais utilizados em seu cotidiano?

Bruno M. - Todos os dias assim que eu acordo eu tenho o costume de agradecer por mais um dia, por mais uma oportunidade que os deuses me deram para que eu possa evoluir; depois eu tomo meu café da manhã e faço uma prece em meu altar para que eu possa ir trabalhar. Quando as pessoas me perguntam que tipos de rituais eu faço, geralmente elas esperam ouvir que eu faço rituais enormes e cheios de pompa em plena Lua Cheia - e sempre meia-noite! As pessoas se esquecem que a Magia é prática, podemos adaptá-la ao nosso cotidiano. Quando estivermos comendo, podemos fazer disso um ritual. Quando estivermos escovando os dentes, podemos fazer disso um ritual. Acredito que quando aceitarmos o poder das coisas simples, poderemos viver magicamente 24 horas por dia e não apenas em rituais fechados dentro de um círculo mágico...

Pedro Guardião - Como surgiu a idéia de trabalhar com Magia no lado "profissional"? E quais você mais preza?

Bruno M. - Eu sempre tive muita facilidade para passar conhecimento para as pessoas, desde pequeno fazíamos grupinhos de estudo e eu sempre adorava dar aulas. Ministrar workshops e palestras mudou a minha vida completamente, pois eu não apenas estava evoluindo (pois querendo ou não temos que pensar e repensar todos os nossos conceitos), mas ajudando outras pessoas a evoluir. Acho que essa é a coisa mais gratificante: ver que você está contribuindo de alguma forma para tornar o mundo um lugar melhor.


Pedro Guardião - E sobre seu primeiro livro; Qual a idéia básica de escrever, e pesquisar sobre o assunto "Banhos Mágicos"?

Bruno M. - Escrever BANHOS MÁGICOS foi uma experiência inesquecível! O povo brasileiro tem o privilégio de ter na sabedoria popular uma amálgama de várias tradições e culturas, até mesmo o ato de se banhar é muito comum. Todo mundo já deve ter escutado alguém dizer "Nossa! Tô carregado... Acho que vou tomar um banho de sal grosso" ou então "Nossa! Que desânimo! Vou tomar um banho de sete ervas!"... Essa cultura que é tão forte na tradição popular estava meio dispersa, senti que precisava ser bem direcionada, bem trabalhada e mostrar para as pessoas que a Magia não é inexplicável. Quando estava escrevendo procurei não apenas trabalhar com o lado metafísico dos banhos, procurei conciliar o espiritual com o científico. E deu certo! O livro está sendo muito bem recebido por todos os públicos.

Pedro Guardião - Sim, parabéns por esse novo Tabalho. Existem futuros projetos para lançamentos de novos livros?

Bruno M. - Sim, sim... O próximo deve sair em abril de 2009! Já comecei as pesquisas e estou recolhendo material. O tema ainda vou manter em segredo, mas creio que todo mundo irá adorar, pois será um livro totalmente prático e com dicas superquentes para realizarmos todos os nossos sonhos! Opa! Já tô soltando algumas informações...

Pedro Guardião - Que legal, vamos esperar as novidades! Última pergunta; agora que você está realizando workshops e trabalhando em livros, tem mais algum sonho que deseja realizar sobre o aspecto profissional em sua vida?

Bruno M. - Sim... Sempre temos sonhos, é da nossa natureza sonhar; melhor: lutar para realizar todos os nossos sonhos. Acho que quando pararmos de sonhar não temos mais objetivo nesse plano existencial.

Pedro Guardião - Muito obrigado pela colaboração e por ter aceitado dar essa rápida entrevista. Desejo muita sorte em seu caminho e tudo de bom.
Obrigado!

Bruno M. - Eu é que agradeço! Beijo a todos!
Fim!

sexta-feira, 6 de junho de 2008

A Magia Xamânica - Por Pedro Guardião.

O Xamanismo tem origem asiática e ártica. Embora a palavra xamã tenha origem na tribo siberiana dos Tugus, não existe origem histórica ou geográfica para o xamanismo, prática religiosa, de cura e filosófica encontrada no mundo todo. O xamanismo não é um crença unificada, está presente em diversas culturas. O xamanismo trabalha com profundo respeito às forças da natureza, com rituais vividos por qualquer tipo de pessoa, envolvendo cristais, fogo, água, metal, madeira. É um conceito de vida que busca no autoconhecimento a chave para o equilíbrio do ser. O Sacerdote do xamanismo é o Xamã, que entra em transe durante rituais xamânicos, manifestando poderes aparentemente sobrenaturais, e invocando espíritos da natureza. A comunicação com estes aspectos sutis da natureza se processa através de estados alterados de consciência. Estados esses alcançados através de batidas de tambor, danças e até ervas enteógenas. O xamã pode ser homem ou mulher, e sempre há na história pessoal desse indivíduo um desafio, como uma doença física ou mental, que se configura como um chamado, uma vocação. Depois disto há uma longa preparação, um aprendizado sobre plantas medicinais e outros métodos de cura, e sobre técnicas para atingir o estado alterado de consciência e formas de se proteger contra o descontrole. O xamã é tido como um profundo conhecedor da natureza humana, tanto na parte física quanto psíquica.
Eu, particularmente me identifico muito com o xamânismo, acho uma arte fantástica. Além de muita sabedoria interior que ela nos traz, aprendemos métodos e diversas coisas que beneficiam nossas vidas. Por exemplo: O utensílio de ervas, aplicação de cristais, técnicas de relaxamento, reiki xamã e muito mais... Procure buscar o equilíbrio que você não vai se arrepender. Conheço uma empresa mágica e artesanal, de produtos místicos e esotéricos que trabalham na linha da construção e xamanismo. Aconselho conhecerem, pois é realmente muito mágico os produtos, que eles são: Ervas ritualísticas do Fogo Sagrado materializado, Expansores de Consciência, óleos e pós mágicos entre outros... Falarei mais sobre isso, em outra oportunidade.


Aconselhamento de livros sobre o assunto:- Magia Xamânica (Despertando seu Animal Totem); Eddie Van Feu
- Xamanismo Celta; John Matthews
- Xamanismo - Origens e Mistérios; Czaplickam M. A. / BERKANA.

Cozinha: Um arsenal místico - Por Mago Elemental.

Você sabia que sua cozinha é mais mística do que imagina? Você sabia que aquele tempero especial que você usa é mais especial do que você imagina?
Como a Wicca é uma religião ligada à natureza, cada planta, cada tempero tem uma finalidade mágica, desde o arroz que você cozinha ao preparado de ervas com o qual você faz seu chá!
Agora vamos conhecer um pouco dessas ervas para que você aprenda o quão poderosa é a sua cozinha, com isso você mesmo poderá preparar e combinar os temperos de sua cozinha!


Açafrão: Amor e saúde
Alcaparra: Potência e Amor
Alecrim: Proteção e Purificação
Alho: Saúde e Proteção
Amêndoa: Dinheiro e Prosperidade
Anis-estrelado: Sorte
Arroz: Fertilidade e Dinheiro
Arruda: Saúde e Amor
Artemísia: Saúde e Poderes Psíquicos
Batata: Saúde
Beterraba: Amor
Camomila: Dinheiro, Amor e Purificação
Canela: Espiritualidade e Sucesso
Cebola: Dinheiro, Proteção e Saúde
Cenoura: Fertilidade
Chuchu: Proteção, Felicidade eAmor
Cravo-da-Índia: Proteção, Exorcismo e Amor
Damasco: Feitiços amorosos
Erva-cidreira: Saúde, Amor e Sucesso
Erva-doce: Proteção e Juventude
Ervilha: Dinheiro e Amor
Feijão: Proteção e Reconciliação
Gengibre: Amor, Dinheiro e Sucesso
Gergelim: Dinheiro
Louro: Proteção e Força
Oliveira: Saúde, Paz e Proteção
Salsa: Proteção e Purificação
Trigo: Fertilidade e Dinheiro

Com esse conhecimento, agora você tem uma poderosa arma nas mãos, use com sabedoria e descubra a magia que está à sua volta.

A Carga da Deusa Aradia - Por Mago Elemental.

Em 1899, Charles Godfrey Leland publicou pela primeira vez "Aradia, Gospel of The Witches" (Aradia, O Evangelho das Bruxas), um pequeno livro sobre a bruxaria italiana remanecente. Nele ele traz a Carga da Deusa, a qual se tornou uma parte padrão dos rituais de Wicca atuais. Essa Carga ainda é usada de modo original, mas vem sendo cuidadosamente refinada para a utilização moderna. Doreen Valiente reescreveu uma bela versão. Atarhwk traz outra versão em "The Spiral Dance"; Jabet e Stewart Farra têm outra em "Eight Sabbats For Witches". Mesmo o escritor de ficção Andre Norton oferece uma versão da Carga em seu livro "Moon Called"
A Carga da Deusa oferece antigas instruções de quando encontrar e o que esperar das energias e poderes lunares. Ninguém sabe ao certo o quão velho a Carga realmente é. Leland achava que era uma parte autêntica de um ritual secretamente preservado por seguidores pagãos da região mediterrânea.
Começa com "Ouça as palavras da Grande Mãe, que no passado se chamava Ártemis, Atena, Diana, Cerridwen...". Segue-se uma lista de deusas lunares. Prossegue: "Sempre que necessitar de algo, uma vez por mês, e melhor será quando a Lua estiver cheia, você deverá reunir em algum local secreto...". A Carga promete que a celebração da Deusa livrará o devoto da escravidão de outros povos e às leis cristianizadas, e que a Deusa ensinará a seus seguidores seus segredos místicos.
Cada "coven", grupo e indivíduo podem ter uma versão levemente modificada da Carga da Deusa, geralmente uma compilação e reestruturação de outras versões. Eis aqui uma delas:

"Ouçam as palavras da Grande Deusa, que em outras eras era chamada de Ártemis, Diana, Astarte, Ishtar, Afrodite, Cerridwem, Morrigan, Freya entre muitos outros nomes.
Sempre que necessitarem da Minha ajuda, reúnam-se em um local secreto, pelo menos uma vez por mês, especialmente na Lua Cheia. Saibam que minhas leis e amor os tornarão livres, pois nenhum homem pode proibir seu culto a mim em suas mentes e em seus corações. Prestem atenção a como vocês chegarão à minha presença, e Eu lhes ensinarei profundos mistérios, antigos e poderosos. Não exijo sacrifícios, nem dor em seu corpo, pois Sou a Mãe de todas as coisas, a Criadora que os criou a partir de Meu amor, e Aquela que dura através dos tempos.
Sou aquela que é a beleza da Terra, o verde das coisas vivas. Sou a Lua Branca cuja luz é plena entre as estrelas, e suave sobre a Terra. Que Meu alegre culto esteja em seus corações, pois todos os atos de amor e prazer são Meus rituais. Vocês Me vêem no amor de homem e mulher, pais e filhos, entre humanos e todas as Minhas criaturas. Quando vocês criam com suas próprias mãos, lá estarei Eu. Eu sopro o sopro da vida nas sementes que plantam, seja uma planta ou criança. Estarei sempre a seu lado, sussurrando palavras ternas de sabedoria e orientação.
Todos os que buscamos Mistérios devem vir a mim, pois Eu sou a verdadeira fonte, a Guardiã do Caldeirão. Todos os que buscam me conhecer sabem disso. Toda a sua busca e seus anseios são inúteis a não ser que conheçam o Mistério: pois se o que buscam não conseguem achar em seu interior, não o conseguirão no exterior. Portanto, atentos, estou com vocês desde o princípio, e os recolherei ao meu seio ao fim de sua existência terrena."

A carga deve ser lida no início de um ritual. Escutá-la ou pronunciá-la auxilia a todo seguidor devotado abrir as portas ao inconsciente coletivo. Quando pudermos fazê-lo, teremos a chave para a porta interior.

quinta-feira, 5 de junho de 2008

A Energia do Dinheiro - Por Pedro Guardião.

Sabe quando estamos naquela fase, em que estamos desesperados para pagar uma conta e temos que quebrar nosso “porquinho” com um monte de moedas dentro, que guardamos um tempão para comprar algo especial?
Ninguém merece isso!
Com uma pitada de magia, algumas coisas podem mudar. Seu dinheiro fortalecer, sua vida prosperar, até mesmo poder comprar vários presentinhos especiais.
Se você está precisando dessa forcinha, realize esta magia e espere os resultados.
Boa Sorte!


Pó do Dinheiro!

Você vai precisar de:

3 Velas verdes
1 prato de porcelana ou gesso
1 punhado de açúcar
1 punhado de canela em pó
Uma pitada de fermento em pó
Algumas pétalas de flores amarelas
1 incenso de canela
1 imagem para representar a prosperidade


Faça um triangulo com as velas verdes. Coloque o prato no meio do triangulo das 3 velas e faça um circulo de pétalas em volta do triangulo de velas com o prato no centro.
Acenda as velas e o incenso. Faça uma oração e invocação aos espíritos da prosperidade como: Fadas, Gnomos etc...
A imagem que representará a prosperidade, coloque sobre o prato. (A imagem pode ser algum baú bonito cheio de dinheiro imprimido do computador).
Pegue o punhado de açúcar e coloque no prato (em cima da imagem) dizendo: “Com esse açúcar, adoço minha vida”.
Pegue o punhado de canela, coloque no prato (em cima da imagem e do açúcar) e diga: “Com essa canela, chamo o sucesso e a prosperidade”.
Pegue a pitada de fermento em pó, coloque no prato (em cima da imagem e da canela) e diga: “Com esse pó de fermento, cresce tudo que tocar, o que agora quero encantar!”
Depois disto, misture os pós e deixe lá até as velas e o incenso queimarem.

Depois está pronto! É só usar em pequenas pitadas no chá, bolos e doces. Salpique também na carteira e na bolsa.


Obs: A imagem que representou a prosperidade, depois que o pó estiver pronto, queime no seu caldeirão ou na chama de uma vela, depois junto com as pétalas de rosas que sobraram, sopre à natureza pedindo aos elementais da terra fortalecerem sua magia.

Como saber se você ou alguém foi atacado por Feitiços - Por Pedro Guardião.

Se você é um bruxo que se preze é bom saber os sintomas e cuidados que deve ter quando desconfiar que foi enfeitiçado.Sinais e sintomas de ataques por feitiços:

1. Alteração de Humor
2. Desânimo
3. Obstáculos e Azares
4. Comida que estraga
5. Ataques de pessoas próximas ou estranhas
6. Doenças em animais e crianças
7. Perdas Financeiras e Materiais
8. Acidentes
9. Insônia e Pesadelos
10. Sensações de Depressão, Desespero e Pânico sem motivo.

Agora fique esperto e de olho nesses sinais para ver se você foi ou não enfeitiçado!

quarta-feira, 4 de junho de 2008

O Poder das Simpatias - Por Pedro Guardião.


Faça que elas funcionem com essas dicas!

Se você tem alguma dificuldade, conte com o poder das simpatias, pois pode ser de grande importância. Para sua magia dar certo e você alcançar seus objetivos, é sempre importante seguir esses passos especiais:

1- Se você tiver fé em que sua simpatia vai dar certo, já é um bom passo para que ela se realize. A confiança e a fé são os principais ingredientes de qualquer magia.
2- Siga passo à passo certinho a simpatia, os ingredientes corretos e evite substituir elementos e não deixe de fazer nada pedido.
3- Não faça a simpatia mais de uma vez. Uma vez bem feita é o suficiente para seu desejo se realizar.

4- Não faça várias simpatias ao mesmo tempo, para problemas diferente ou iguais, isso pode interferir nos pedidos.
5- Ao fazer uma simpatia, mantenha seu pensamento positivo no desejo que quer alcançar. Isso fortalecerá sua magia.


Nunca subestime o poder de uma simpatia. Mesmo elas sendo rituais popularizados, tem grande potencial quando bem feitas, principalmente as antigas “receitas da vovó”.

terça-feira, 3 de junho de 2008

Uma pequena introdução à Magia!


Olá. Aqui se constrói um novo website sobre a magia na atualidade.
Você encontrará novidades sobre o mundo, divulgação de eventos, matérias mágicas, entrevistas com bruxos e bruxas e muito mais...
Pra começo de conversa, é sempre bom saber as influências dos astros. Estamos em Junho, especificamente no começo! Aqui marca o início de um novo portal; este site.
Durante este mês, todos nós vamos ter que rever assuntos que pareciam estar resolvidos mas não estavam! Neste período, tudo acontecerá com olho clínico, para nada passar errado, pois quando se trata de cinco planetas retrógrados, necessitamos de revisão. Coisas acontecerão! Sorte, dificuldades, melhoras e felicidade... Cada momento tem seu tempo e seu estado. Ter cautela, disciplina e controle são as melhores dicas para este mês, confie e tenha organização!!!Vamos conhecer um pouco mais sobre a filosofia e/ou religião dos Bruxos(as).

"Wicca é uma religião de natureza xamânica, positiva e com duas deidades maiores: A Deusa (aspecto feminino) e o Deus (aspecto masculino). Wicca inclui a prática de várias formas de magia, em geral com propósitos de cura, anulação de negatividade, prosperidade, crescimento espiritual e ritos para harmonização pessoal e de ambientes, através de forças naturais da vida, marcadas pelas fases da Lua e pelas estações do ano. A básica idealidade desta crença, é um simples código: "Faze tudo o que tu queres, desde que não prejudiques ninguém". O objetivo da wicca é de reconectar a pessoa com o cosmo e com o Divino; melhorar as situações da vida; melhorar condições planetárias e buscar a harmonia e o equilibrio perfeito dentro de si mesmo."

Então, fique de olho por aqui e veja as novidades e matérias que vão aparecendo ao passar dos dias. Você não vai se arrepender!
Obrigado.


Pedro Guardião.

Vídeos Wicca & Bruxaria

Loading...